fbpx
Boca a boca e Marketing de Indicação para driblar a crise

Marketing boca a boca e indicação, qual a diferença? Veja!

O Marketing boca a boca é uma das mais tradicionais estratégias e que é usada praticamente por todo mundo.

O Marketing boca a boca é uma das mais tradicionais estratégias e que é usada praticamente por todo mundo. 

Essa ação é tomada por empresas que acaba trazendo motivação aos seus próprios clientes para os mesmos falarem sobre o seu produto, serviço ou marca.

E essa estratégia do Marketing boca a boca acaba sendo traçada para que ela seja desenvolvida, principalmente de forma espontânea.

Essa ação também é tomada pela pessoa que recomenda a sua marca ou produto, pois certamente, ela coloca sua credibilidade em risco. 

Mesmo porque, ninguém recomenda algo ruim aos amigos ou família, não é mesmo? 

O mais interessante é que o Marketing boca a boca é uma forma que não requer investimentos em propaganda e promoção. 

Esse tipo de marketing é compartilhado pelos clientes e isso é desencadeado por eventos que os clientes experimentam. 

Estes eventos são algo além do esperado e estes eventos podem ser publicidade ruim também

É por isso que melhorar o atendimento ao cliente é muito importante.

Sobre todos esses assuntos é que vamos conversar hoje aqui no blog. Acompanhe. 

O que é Marketing boca a boca?

 

É uma forma de promoção não paga, oral ou escrita, em que os clientes satisfeitos contam a outras pessoas o quanto gostam de uma empresa, de um produto, de um serviço ou de um evento. 

O Marketing boca a boca é uma das formas de publicidade de mais confiança porque as pessoas que não tomam posições para beneficiar, em termos pessoais, da promoção de algo, põem a sua reputação em risco cada vez que fazem uma recomendação

Com o aumento da utilização da internet como uma plataforma de pesquisa e de comunicação, Marketing boca a boca tornou-se um recurso ainda mais eficaz para os consumidores e para os comerciantes.

Importância do Marketing boca a boca

 

A comunicação vem crescendo exponencialmente através das mídias sociais e do WhatsApp.

Esse diálogo espontâneo e viral se torna ainda mais evidente e pode ser compartilhado, comentado e avaliado por muitas pessoas ao mesmo tempo.

Seja boa ou ruim, a experiência de consumidor hoje pode atingir milhões em poucos segundos!

Essencialmente, o Marketing boca a boca se resume basicamente na palavra confiança.

As pessoas confiam nas outras pessoas e nas experiências que elas tiveram, isso significa que, quando ouvem de um amigo ou consumidor falar bem sobre um produto, é mais provável que comprem por causa disso.

Os consumidores confiam em seus amigos e por isso que o Marketing boca a boca se torna uma das fontes mais valiosa de marketing.

Geralmente, o Marketing boca a boca não pára depois de apenas uma interação. 

Uma pessoa dirá a outra e essa pessoa para outra pessoa. Então essa pessoa continuará a corrente e espalhará a palavra ainda mais.

Além disso, o Marketing boca a boca é uma boa maneira de uma empresa divulgar um produto ou serviço. 

Estatísticas sobre a publicidade boca-a-boca provaram que as pessoas confiam em seus amigos e familiares mais do que confiam em anúncios.

Como funciona o boca a boca

 

O Marketing boca a boca basicamente ocorre entre pessoas que determinam o que querem compartilhar e em quem querem acreditar e, com isso, adquirem informações em sua jornada de compra. 

O impacto de uma recomendação de uma pessoa de confiança, como um amigo, é muito mais forte do que o de uma mensagem publicitária de uma fonte tendenciosa, ou seja, uma empresa falando sobre ela própria.

O Marketing boca a boca não é uma ciência exata que possa ser controlada, isso porque boa parte do que é dito escapa das suas possibilidades de controle.
Ele é feito por pessoas que muitas vezes você nem sabe quem são, ao contrário de outros canais de comunicação de massa. 

Porém, isso não quer dizer que você não possa direcionar o que as pessoas vão falar de você. 

Tudo começa em como você faz seus clientes se sentirem e a maneira de como os estimula.

O Marketing boca-a-boca é uma ótima ferramenta para potencializar todos os outros esforços de marketing realizados pela empresa. 

Se o potencial cliente já pensa em comprar seus produtos, ao ver um amigo ou conhecido recomendando seu produto, a decisão de compra é tomada mais rapidamente. 

Isso é um ponto importante, pois reduz os custos de aquisição e gera mais negócios para as empresas.

Os benefícios e resultados que o Marketing boca-a-boca traz para as empresas são muitos. 

O que ainda é pouco conhecido, é como fazer isso. 

Vale a pena fazer marketing boca a boca?

 

Sim e muito.  Embora muitas vezes seja mal explorado, o Marketing boca a boca tem amplo espaço, sobretudo na internet, através de sites e blog, em redes sociais e até mesmo em aplicativos de mensagens. 

A grandes questão é compreender seu funcionamento e como construir uma demanda positiva para o público que reage a estímulos diferentes. 

O primeiro passo é você entender o que faz os seus clientes falarem bem da sua empresa. 

Com isso, você vai descobrir a motivação para as reações positivas e negativas para trabalhar a estratégia da sua marca.

O Marketing boca a boca precisa ser mais do que uma mensagem bonita ou eficaz, isso porque pessoas não confiam em empresas; pessoas confiam em pessoas.

Por isso, conseguir que os seus clientes espalhem boas críticas sobre o seu produto ou serviço pode ser o tão sonhado diferencial de mercado.

É bem mais provável conseguir novas vendas a partir de uma recomendação de alguém do que apenas com um anúncio.

Qual é a diferença de marketing de indicação e boca a boca?

 

O Marketing de Indicação, também conhecido como Referral Marketing se diferencia do boca a boca, principalmente pela dinâmica. 

Enquanto o boca a boca é algo que acontece naturalmente, o Marketing de Indicação – que também funciona pelo mesmo princípio, tem como principal diferença, a possibilidade de serem utilizados métodos e programas. 

Como eu sempre venho falando, as indicações fazem parte de uma atitude natural do ser humano e elas devem ser parte normal do seu processo de venda.

A indicação deve ser algo corriqueira de acordo com o cliente que está satisfeito com seu produto ou serviço. 

Isso porque, quando você não faz com que a indicação seja algo natural, corre o risco do seu cliente ver isso como um favor. 

Dessa forma você reduz, e muito o número de indicações recebidas. Por isso, trabalhe para que a indicação seja algo natural e corriqueiro. 

É muito importante também que você seja indicável.

Vantagens do marketing de indicação

 

Em primeiro lugar, essa é uma maneira muito efetiva para você atrair novos potenciais clientes e clientes efetivos através dos que já fazem parte da sua carteira. 

Isso acontece porque 92% das pessoas confiam nas referências recebidas de alguém conhecido, sejam vindas de amigos ou familiares. 

Ou seja, se alguém que já compra de você recomendar o seu produto ou serviço para a própria rede de relacionamentos dela, as chances de essas pessoas procurarem o seu negócio é muito maior.

Outra vantagem é que a ancoragem de um novo cliente aumenta quando ele é fruto de algum tipo de indicação. 

Isso quer dizer que eles são mais lucrativos, porque tendem a colocar mais dinheiro no caixa da sua empresa. 

Seja porque essas pessoas adquirem produtos mais caros, compram mais vezes ou permanecem mais tempo fiéis ao seu negócio, ou seja, aumentando o ticket e a retenção.   

Além disso, de 20% a 50% de todas as compras que acontecem são resultado das recomendações feitas por clientes.

Como criar um programa de indicação?

 

Depois de muito tempo estudando e analisando métricas de diversos programas de indicação e produzindo conteúdo sobre o tema, elaborei um método por etapas.

Nesse método, é possível fazer um modelo de estratégia de Marketing de Indicação para absolutamente qualquer tipo de negócio.

A primeira providência a ser tomada é elaborar a mecânica do processo. Ou seja, como vai funcionar a estratégia propriamente dita:

Quais serão as regras de indicação?

Quando o cliente vai ser recompensado pela indicação?

Ele vai ser recompensado apenas pela indicação?

Ele vai ser recompensado quando o indicado efetuar a compra?

Esse tipo de mecânica precisa ser definida, pois ela muda todo o conceito no Referral Marketing. 

A mecânica deve ser escolhida de acordo com seu tipo de venda e o ticket do produto.

No caso do B2B de baixo ticket e taxa alta de recompra, como no caso dos e-commerces), você pode optar por tornar seu programa de indicações mais transacional.

Experimente dar um pequeno prêmio para cada indicação.

Por outro lado, com B2B de tickets mais altos, você pode optar por deixar o programa mais exclusivo, criando um uma espécie de “clube fechado” somente para clientes e embaixadores da sua marca.

Um outro exemplo de estratégia, é você criar um ranking de clientes indicadores e dar uma recompensa diferente ou até mesmo repetir essa recompensa sempre que o cliente trouxer mais indicações.

Um grande exemplo de rankeamento de indicadores é dos games, que dão prêmios maiores conforme o número de indicados trazidos pelo cliente.

Portanto, a formatação da mecânica é o primeiro passo para que você consiga fazer da sua estratégia de indicações um verdadeiro sucesso.

Vendas por Indicação é um dos maiores aliados na crise

 

Em um momento em que o mundo inteiro está passando por uma crise sem precedentes com a  pandemia do novo coronavírus que foi declarada no dia 11 de março pela Organização Mundial da Saúde (OMS), estamos passando por colapso econômico que deve ser o pior e o mais difícil das últimas décadas.

Além das perdas, muitos sofrerão as consequências dos efeitos na economia em nível global.

Especialistas já apontam que, boa parte desses impactos, acontecerá, sobretudo, nos pequenos negócios.

Isso porque, as medidas de isolamento social afeta diretamente trabalhadores informais e pequenos negócios que, geralmente, não têm reserva financeira e capital de giro para segurar suas finanças por muito tempo.

Apesar do cenário ser de muita ansiedade, o momento é de ter calma e estratégia. Uma dessas estratégias é justamente a utilizar das Vendas Por Indicação.

Boca a boca e Marketing de Indicação para driblar a crise

 

Eu sempre procuro definir  as estratégias digitais através de 4 Forças do Tráfego e eu recomendo você ler esse artigo para entender o porquê.

A força do Tráfego por Referência é quando você usa toda sua base de clientes e leads atuais para gerar novas vendas e novos leads.

Não confundir com afiliados que tem uma audiência de terceiro e tem interesse financeiro, pois demanda comissão.

É a força que eu tanto falo por aqui.

A vantagem com as Vendas Por Indicação é que a estratégia não envolve dinheiro, não precisa trabalhar com descontos e não precisa trabalhar com terceiros no meio da relação que pode distorcer a mensagem.

Além disso, não precisa de mídia paga e você consegue acelerar ou desacelerar através de campanhas de ativação dentro do negócio.

Ou seja, você não precisa investir recursos que estão escassos diante da atual crise.

Ainda que eficiente, o Referral ainda é pouco utilizado no Brasil, tendo em vista o grande resultado que ele pode alcançar.

Esse é o grande momento de você utilizar seus próprios clientes para engajar o seu negócio.

Basicamente o Marketing de Indicação funciona da seguinte maneira, pela indicação, o cliente que já faz parte da sua base, recebe uma determinada recompensa, que pode ser produtos ou serviços de outras marcas, pacotes adicionais, assinaturas, entre outros prêmios.

Se você pretende a começar a investir no seu marketing de indicação com um programa de indicações é bom saber como os seus clientes veem a sua marca.

Faça uma pesquisa de métricas para descobrir quem são os seus promotores e detratores.

Desta maneira você conseguirá saber o que motivou o seu cliente a comprar de você com os primeiros e coletar retorno com os segundos.

E você? Já vende por indicação mas nunca incentivou seus clientes a indicarem? Sente que poderia estar vendendo muito mais através dos seus clientes? Conheça a mentoria em Vendas Por Indicação com Rodrigo Noll, o maior especialista do Brasil no assunto. Mais de 300 mentorados satisfeitos e mais de R$ 30 milhões colocados no bolso nos seus clientes.

Clique aqui e definitivamente crie um canal de vendas previsíveis, utilizando apenas os seus clientes atuais sem precisar gastar mais em anúncios nem contratar ferramentas caras. Poucas vagas disponíveis!  

Boca a boca

Me acompanhe nos outros canais:
InstagramLinkedInYouTube e Telegram

Sobre o Autor:

Gostou do conteúdo? Veja mais nas minhas redes sociais:

Compartilhe:

Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on email
Share on facebook
Share on twitter

Deixe seu comentário:

Rolar para cima